Início > Defeito Colateral, Literatura Colateral, Que porra é essa? > O gato marrom e o piercing genital.

O gato marrom e o piercing genital.

–leia o conto ouvindo esse som.

Hoje acordei com um susto imenso, deitado no colchão que fica ao lado da cama de solteiro onde dorme minha namorada, notei que havia um imenso gato marrom subindo em meus pés. Não entendi nada, o ar condicionado estava ligado, a porta fechada, a janela igualmente; Como diabos aquele gato estava subindo em meu pé ?

O olhar do gato simplesmente era quase humano e assustador. Encarou-me com seus olhos amarelos e nem ousou fazer um miau. Subitamente levantei em um pulo e puxei as cobertas, em minha direção, o gato sem susto, continuou a caminhar pelo quarto, desta vez me ignorando completamente. Saí pela porta e encontrei no quarto ao lado, aonde tem uma cama de casal, mas aonde não durmimos porque o ar condicionado está quebrado minha namorada, e que estranho, ela estava com uma enorme tatuagem nos braços, e o cabelo pintado de vermelho. O gato me seguiu e passou por entre minhas pernas, e eu perguntei o que diabos esse bicho fazia em nossa casa.

A intimidade que o animal tinha com minha namorada que estava tão diferente, era muito estranha. Ele foi como um cachorrinho em sua direção e ela começou a fazer carinho nele. Achei tudo tão escroto, que nem perguntei porque diabos ela estava com um visual tão diferente. Resolvi ir ao banheiro lavar o rosto, escovar os dentes, e tomar um banho.

Ligo a torneira, pego a escova de dentes, passo a pasta na escova, quando olho para o espelho noto, um negócio esquisito em minhas narinas. Um enorme piercing de argola está no meu nariz. Como se não bastassem os mistérios do dia, as estranhezas de tudo, estava agora com uma argola ridícula pendurada em minhas narinas, quando vi que no queixo tinha um outro piercing… resolvi fazer xixi, estava muito apertado (Isso é evidente sinal de que por pouco não fiz na cama).

Notei que meu penis estava com um piercing, não na cabeça mas no tronco semelhante à um anel. Realmente, já não entendia mais nada nem fazia questão de entender, e já tinha até esquecido do gato. Desisti de fazer xixi espantado (graças à Deus), e fui perguntar pra minha mulher se isso era alguma brincadeira dela.
Encontrei-a na sala, de camisolinha, uma delicia, e ela disse, deixa eu ver como ficou o piercing… nossa que lindo, esquece isso vem cá me dá um beijo…
quando notei que iriamos fazer amor acordei com o pênis rígido. Ainda bem que foi um sonho, mas que sonho bizarro este.
Não foi sonho que fui correndo ao banheiro fazer xixi, e como estava com o pinto duro acabei mijando o banheiro todo e tomando uma bronca.

-Amor, isso acontece com todo homem ! – Tentei argumentar. – Pelo menos eu não mijei na cama, quando sonho que estou mijando geralmente mijo.

Ainda bem que não tem nenhum felino aqui, que o cabelo dela não está ruivo nem eu estou todo furado com esses piercings.

Era só o que me faltava. Falando nisso, tem uma loja aqui na esquina que vende produtos da marca Che Guevara; Camisetas, bonés, bonecos, quadros, livros e dvd´s. Pena que tudo é muito caro. Não sei porque diabos tive um sonho tão esquisito como esses.

Hasta la vista, baby, disse e voltei à durmir.

Anúncios
  1. Marcela Santos
    fevereiro 26, 2010 às 23:07

    Surreal

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: