Início > Crônicas da vida > Negrão auto-racista

Negrão auto-racista

Tudo aconteceu à alguns dias atrás. Eu, para variar, desliguei o despertador sem acordar, e então estava atrasado trinta minutos. Peguei rápido minhas coisas, vesti meus tênis, coloquei uma calça logo em seguida, o que foi um inferno fazer por já ter posto os tênis, coloquei meu livro na mochila, desci as escadas estreitas correndo, o que quase me fez tropeçar e cair, peguei um pacote de bolachas e sai, sem nem ao menos dar tchau.
Para variar, peguei o ônibus A9 quase no pulo, sentei num banco preferêncial para idosos e fomos em direção ao terminal, onde eu pego um ônibus que se chama “rápida”, ao certo por que demora dez ou quinze minutos menos para chegar até o centro. Dei sorte de a fila ainda estar pequena, então entrei no ônibus e, apesar de não gostar, sentei naqueles bancos que ficam de frente para outro banco sabem? O ônibus deu a partida e fomos embora. Com as mãos quase trêmulas de ansiedade, peguei MUITO LONGE DE CASA – MEMÓRIAS DE UM MENINO SOLDADO e comecei a ler. O problema foi quando, uns dez minutos depois de começar a ler, um homem sentado de frente para mim, negro, abaixa o livro, em um ato que muito me transtornou, por que ele não me dirigiu uma palavra, apenas colocou a mão por cima do livro e o baixou, me forçando a olhar sua cara. Ele usava um óculos escuros tipo “eu jogo vôlei”, uma camiseta vermelha sem estampa e estava com uma cara que expresava quase ódio e, quando abriu a boca, eu fiquei chocado, acho que estalei os olhos e só fui piscar quando corria o risco de eles secarem:

– Por que vocês brancos adoram ler livros que tenham negros na capa?

Por dentro eu gargalhava e odiava. Eu realmente não acreditava no que ouvia, não consegui acreditar que ele tinha aquela expressão e aquele tom de voz por causa de duas fotos … então, irônicamente, e sem concordar com o que eu mesmo iria dizer, abri a boca com o propósito de fazê-lo bater boca comigo:

– Por que acho cômica a maneira como o negro descreve seu próprio passado.
– O que tu quer dizer com isso?
– Tire suas próprias conclusões.
– Então vou acabar concluindo que tu é um racista desgraçado.
– Nossa! Realmente fico muito preocupado …
– Racismo é crime sabia?
– Incomodar os outros não tendo nem um motivo decente em mente também deveria ser.
– Tu não sabe do que tu ta falando.
– Tu vai continua me enchendo o saco? Pode parar? Só quero ler em paz.
– Ler o que? Essa porcaria? “Menino-soldado”? Quer dizer o que? Que meus filhos andam por aí com uma metralhadora?
– Você sabe ler? Nossa …

Então, depois da minha resposta extremamente racista, eu peguei meus fones de ouvido, liguei Beiruth no volúme máximo e continuei lendo. Ele insistiu em falar acho que por bons dois ou três minutos, enquanto fitava minha cara de total desprezo.
Duvido muito que alguém no ônibus tenha aprovado as palavras dele. Pessoas como ele me tiram do sério. Eles fazem dos negros seres intocáveis, feitos de vidro, com os quais eu devo medir minhas palavras … quer saber? Para mim vocês são iguais a mim … jamais vou ficar cuidando com o que vou ler, escutar ou falar por que posso atingir vocês, não me importa nem um pouco o fato de me chamarem de racista. O que basta é que, na minha mente, somos todos iguais, se algum ignorante acha diferente, por que leio um livro com um negro de roupas rasgadas e armado na capa, se me julga racista por isso, te digo que o pre-conceituoso é você, que ao invés de me perguntar sobre o que tratava o livro, teve o bendito ato de se ofender.

Anúncios
  1. fevereiro 3, 2009 às 04:24

    Bah,que merda meu.O negrão metido a revolucionário,defende seus ideais,se foder!Bota burro,com metralhadora na mao,nem sabe do qu se trata o livro.AFF!Tinha que ser restinga mesmo!euheuheuhuhe =P

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: